Linguagem: EnglishFrenchGermanItalianPortugueseRussianSpanish

Alitalia revive como ITA em acordo de Governo e União Europeia

 

ITA a nova empresa aerea da Italia ja voa com cor azul e logomarca. Foto Coriere della Sera
15-10-2021 18:49:48 (185 acessos)
Quando chegou em Roma, no Aeroporto Fiumicino entregando ali os 177 passageiros, deixou de existir momentaneamente a marca Alitalia que existe desde 5 de maio de 1947, quando decolou o primeiro voo com o avião Fiat G.12 transportando 14 pessoas. Antes desse fato que marca o fim de uma das mais conhecidas companhias aéreas do mundo, de certa forma, a empresa hoje pertencente ao Governo, seguirá existindo. Houve um acordo com a União Europeia e daí surgiu a Italia Transporti Aereo, ITA.

Administração continua estatal com responsabilidade do Ministério da Economia e Finanças.A ITA está voando no País e logo seão anunciados os destinos internacionais. 

O acervo da Alitalia foi adquirido pelo valor de 90 milhões de Euros, embora a cotação inicial foosse de 290 milhões. 

A ITA começa de modo modesto e com um planejamento de expansão até 2025. A Italia Transporti Aereo inicia a história com 52 aeronaves, das quais 7 de tamanho grande, que chamam tecnicamente de fuselagem larga e 45 fuselagem estreita. Já foi anunciada expansão em 2022 para 78 aviões, sendo 13 grandes. 

Em Roma, a sede da nova empresa já indicou que serão da Airbus, os 6 novos aviões de fuselagem larga já adquiridos. Também está assegurado que permanecerá uma linha aérea da ITA para São Paulo, no Brasil. Esta linha aérea deverá iniciar nos próximos dias. 

Às 23:10 horas chegou em Roma o voo AZ-1586 pelo Airbus A320-200 EI-DSV.Foi o último da empresa Alitalia que o Governo tentava tornar rentável desde 2017, mas não conseguiu. Acabou perdendo 13 bilhões de Euros, num negócio que já deveria ter acabado há 20 anos. Companhia chegou a ter 120 mil funcionários, reduzidos hoje (211014) a pouco mais de 2.800.

Para os saudosistas, a Empresa rememora que o primeiro voo entre Torino e Roma, em  maio de 1947, durou 120 minutos. Cada passageiro pagou pela viagem 7 mil Liras.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Noticiario - Jornalista Moreira
 

 Não há Comentários para esta notícia

 

Aviso: Todo e qualquer comentário publicado na Internet através do Noticiario, não reflete a opinião deste Portal.

Deixe um comentário

fye7m