05/09/2015 (22:15)

Igreja Católica quer impedir doação para campanhas políticas

Pedido de impedimento para que deputados e senadores continuem com o projeto que libera doações de empresas para campanhas eleitorais, está protocolado no Supremo Tribunal Federal (STF). A despeito dos registros revelados nos processos do Mensalão e do Lava Jato (em andamento), parlamentares desrespeitam a voz das ruas e seguem aprovando a matéria

 

Iniciativa da ação cautelar protocolada (150904), foi da Conferência Nacional dos Bispos (CNBB) e da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), e está no Supremo Tribunal Federal (STF). Objetivo é proibir o investimento empresarial em campanhas políticas já nas eleições municipais de 2016. Projeto foi reprovado no Senado, mas a Câmara Federal quer desfazer a decisão.

 

 

 

 

Seja o primeiro a comentar esta notícia.

Comente esta notícia 

 

YNONxO