01/08/2015 (12:03)

Pedágio mais caro é de R$ 12,70 na Via Dutra entre São Paulo e Rio

R$ 12,70 é o maior valor a ser cobrado pelo pedágio da Via Dutra que liga São Paulo ao Rio de Janeiro sob a identificação oficial de BR-116 que desde 1951 passa por 34 localidades paulistas e fluminenses. CCR é a empresa que administra o trecho em 402 quilômetros (km), em contrato firmado no ano de 1996. Lucro em 2014 somou R$ 1,28 bilhão.

 

Novos valores determinados pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) formam um reajuste de 16,8% nos valores cobrados pela concessionária Nova Dutra. Segundo a concessionária, a base do aumento é a reposição das perdas indexada pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) e o impacto de novas obrigações nos custos de operação da via. Além disso, os valores são arredondados para múltiplos de R$ 0,10 para facilitar o troco nas praças. Para próximos reajustes está prevista a compensação dos ganhos com os arredondamentos.

Nas praças de pedágio Moreira César, Itatiaia e Viúva Graça o valor cobrado passou de R$ 10,90 para R$ 12,70. Em Arujá, Guararema Norte e Guararema Sul a tarifa subiu de R$ 2,70 para R$ 3,10. Na praça de Jacareí o pedágio passou de R$ 4,80 para R$ 5,60. Para veículos comerciais, os valores são multiplicados pelo número de eixos.

Em 2014, a concessionária faturou R$ 1,28 bilhão com o pedágio na rodovia. O lucro com a administração da estrada ficou em R$ 213,3 milhões. Os investimentos somaram R$ 309,73 milhões.

 

 

Seja o primeiro a comentar esta notícia.

Comente esta notícia 

 

mNG5tZ