16/07/2014 (21:49)

Alemanha 4 vezes campeã do mundo de futebol, deixa exemplos

Uma Copa do Mundo que serviu para mostrar que tornar-se vitorioso no esporte requer planejamento, qualidade cultural e muita responsabilidade, foram os principais exemplos da competição no Brasil. Equipe da Alemanha fez isso ao executar os deveres com plenitude, "sem footvoley", como afirmou capitão Felipe Lahm. Ficaram no refúgio até cada partida.

 

Campeonato mundial conquistado contra a Argentina com um gol de Mário Götze (na foto, de frente)Mario Götze, autor do gol da Alemanha, foi comemorado no estádio do Maracanã, talvez o mais histórico e tradicional do mundo, no Rio de Janeiro, Brasil, único país pentacampeão. Alemães construíram aposentos específicos na Bahia, um lugar com praias extensas e de acesso restrito. Tiveram a contribuição de empresários e de todos os torcedores, mínima parte que se fez presente na decisão de domingo (140713). Sem exibições irresponsáveis e muita dedicação, estiveram todos os dias acompanhados pelas famílias, os filhos jovens ou crianças, incentivadores, apoiadores.


Há 24 anos os alemães vem aperfeiçoando como jogar futebol de resultados e conseguiram, após decidir várias vezes a Copa do Mundo. Sagraram-se campeões também em relações públicas. A propósito pode-se observar a amizade com vizinhos onde moraram por 30 dias a quem dedicaram atenção até o úiltimo instante. Aquela roda de jogadores recém-campeões com a taça do mundo no chão do estádio, é uma homenagem aos índios de Cabrália.


Para os consagrados futebolistas brasileiros, ficou a advertência de como proceder. Se um dia quiserem voltar a ganhar a taça do mundo, terão de mudar radicalmente. Jogadores precisarão frequentar universidades, vivenciar cultura e praticar humildade. E toda a estrutura do futebol deve ser modificada radicalmente, para atender princípios empresariais sadios, acabando com ligações consideradas perigosas e abusos da coisa pública. No Brasil os clubes de futebol devem bilhões à previdência social e à Receita Federal. Há anos deputados discutem soluções que nunca chegam.

 

1 comentário para a notícia

Avatar

ALEXANDRE TATIT

14/07/2014 às 21:55

sou amante do futebol Brasileiro e adoro torcer durante a copa do mundo, talvez o único torneio que ainda nos recorda um pouco dos bons tempos daquele futebol que marcou época em nosso país. Infelizmente, a situação econômica da Am. Latina impede maiores investimentos para manter os bons atletas e futuras promessas para nosso futebol. Mas sinceramente, não vejo como solução para voltarmos a ser campeão tanto investimento necessário conforme foi colocado - "jogadores precisarão frequentar universidades, vivenciar cultura e praticar humildade"... nossos craques Rivaldo, Ronaldo, Ronaldinho Gaucho,Romário, Bebeto e tantos outros nunca precisaram disso... a Argentina quase chegou lá e está muiiito longe dos investimentos da Alemanha! creio que os bons craques além de nascerem com uma estrela no pé, precisam sim de muito treino com a mente e com os pés, mas a atitude dos nossos atletas atuais são divergentes em relação aos nossos históricos atletas, creio que é uma geração que não teve a oportunidade de jogar o campeonato regional e brasileiro pelo amor à camisa... exemplo do Zico, que era sempre flamengo,,,, um pelé santista,,, hoje perdemos a identidade do craque, virou um mercado financeiro incalculável! sabe Deus onde irá parar isto, mas é certo que tão cedo não veremos uma taça circulando por aqui! os jovens querem sair do país, buscar o sucesso lá fora... o que precisa mudar não é a cultura do futebol e sim a Política deste país. Um povo submetido a uma ditadura omissa e que gera um futuro incerto a todos nós! é uma pena viver num país onde as discussões da mídia antes, durante e pós copa do mundo circula em função do futebol.... deveriamos sim imitar os germanos,e lembrar que apos o jogo eles foram para as suas casas e voltaram ao dia normal.... aqui ficaremos falando durante 4 anos até que um novo tropeço vire uma nova novela.... inaceitável isto! precisamos de mudança de sistema político e jovens enérgicos, esqueçamos um pouco do futebol... afinal, estamos bons anos à frente de todos, SOMOS PENTA!!!

Comente esta notícia 

 

ILxBvS