18/06/2009 (20:27)

Proibida a Venda de Formol no Brasil

Formol não pode mais ser vendido por drogaria, farmácia, supermercado, armazém e empório, loja de conveniência e drugstore. Poribição é da ANVISA.

 

De acordo com a RDC 36/09 aprovada pela Diretoria Colegida da Agência Nacional de VigilÂncia Sanitária 9ANVISA), o formol, ou formaldeído (solução a 37%), não pode estar disponível em nenhum destes estabelecimentos.

A medida foi adota tendo em vista o uso

inadequado deste produto em procedimentos de estética. O formol vinha sendo utilizado indiscriminadamente em procedimentos popularmente conhecidos como “escova progressiva”, com a finalidade de alisar os cabelos acarretando sérios riscos à saúde. A adulteração de produtos cosméticos, com adição de formol, por exemplo, já é considerado crime hediondo pelo Código Penal Brasileiro.

Os estabelecimentos abrangidos pela resolução terão o prazo de 180 (cento e oitenta) dias para promover as adequações necessárias.

Cartilha alerta para perigos do formol (PDF)

 

Seja o primeiro a comentar esta notícia.

Comente esta notícia 

 

UdIT9S