13/04/2019 (22:36)

Viagem de turismo ao espaço já tem 2 projetos de aeronaves

Richard Branson, dono a Virgin Galactic, está desenvolvendo uma aeronave específica para transportar turistas nos confins do universo. Tão atraente esse negócio que desperta interesse de empreendedores e diversos pontos da Terra, inclusive China e Japão. Mas quem saiu na frente, até agora, foi Paul Allen, que acaba de lançar o gigante Stratolaunch.

 

Trata-se de um avião gigante, com 2 fuselagens e asas que cobrem 117 metros, com 6 turbinas, sendo 3 de cada lado e 28 pneus. Esse que é apelidado de "maior avião do mundo" pesa 227 toneladas e é capaz de carregar 590 mil quilos. Por enquanto o avião não decolou, só foi testado nas funções fundamentais, em um hangar situado na Califórnia (EUA). Mas os voos devem ser iniciados até dezembro de 2019.

Diferente do projeto Virgin, esse empreendimento aeronáutico é destinado a conduzir satélites para serem soltos numa "órbita baixa" da Terra. Mas a busca inicial é ganhar dinheiro com o transporte de passageiros, turistas. Assim o Stratolaunch deverá servir como plataforma de lançamento, com a vantagem de servir de modo permanente a esse, sem se perder no espaço como ocorre com os atuais foguetes propulsores.

Stratolaunch foi criado pela Scaled Composites, a empresa concebida pelo piloto Burt Rutan e apoiada pelo co-fundador da Microsoft, Paul Allen, falecido em 2018. A empresa se destacou ao longo das décadas pelos projetos bastante audaciosos, muitos ligados a feitos espaciais. A companhia tem foco em projetos experimentais de alta complexidade, que posteriormente fornecem subsídios tecnológicos para uma série de programas comerciais e militares. Um dos projetos mais famosos da companhia é o SpaceShipOne, o primeiro veículo civil a atingir o espaço.

 

 

Seja o primeiro a comentar esta notícia.

Comente esta notícia 

 

GmaO11