24/02/2017 (19:52)

Taxa carcerária no Brasil é o dobro da mundial

Com média de 300 presos para cada 100 mil habitantes, o Brasil tem mais que o dobro da ocupação mundial que é de 144 para uma população de 100 mil. Diz o Centro Internacional de Estudos Prisionais (ICPS, sigla em inglês) que nas prisões brasileiras encontram-se 94% de homens, dos quais 61,5% são negros. Jovens de 18 a 29 v anos são 55%.

 

NOTICIARIO mostra levantamento mais atual (170224) que indica o total de presos e os que estão em regime proivisório.

 

Análise falou ainda sobre o nível educacional dos apenados:

75% têm até o ensino fundamental. Penitenciárias do País têm

622 mil internos, quarta população carcerária do mundo. Dados

do Levantamento Nacional de Informações Penitenciárias (Infopen), 

mostram EUA com 2,2 milhões, China com 1,6 milhão e Rússia 644 mil.

Não só pelas rebeliõies, mas pelo agravamento da lotação dos presídis, o assunto está em debate na Câmara Federal. Soluções são buscadas com certa urgência, para enfrentar dias mais difíceis.  o Governo estimula resultados, inclusive cedendo recursops para construção de presídios em regime de emergência.

Desde o início do ano, o saldo de mortos chegou a, pelo menos, 124 em apenas três presídios: o de Manaus; a Penitenciária Agrícola de Monte Cristo, em Roraima; e a Penitenciária Estadual de Alcaçuz, na Grande Natal (RN). Os conflitos foram motivados pela briga de poder entre facções rivais.

Mas a violência não está ligada só à superlotação, pois há denominadores vinculados ao empobrecimento devido à precarização da economia, desemprego que se agrava há 5 anos e sobe além de 12 milhões de trabalhadores e conflitos diversos.

 

 

Para o Ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, o problema do sistema carcerário está relacionado aos crimes pelos quais as pessoas têm sido presas. “O Brasil prende muito e prende mal. O Brasil prende quantitativamente e não qualitativamente”.

Já para o governador do Mato Grosso, Pedro Taques, é necessária a participação do Judiciário e das defensorias públicas para conseguir evitar que a prisão seja a solução para qualquer tipo de crime.

 

Fonte: Agência Câmara

 

Seja o primeiro a comentar esta notícia.

Comente esta notícia 

 

3mPRJm