13/09/2016 (22:32)

Até 20 de novembro é possível ver obras de Picasso no Rio de Janeiro

Pinturas, desenhos, gravuras, esculturas, cerâmicas e fotografias num total de 138 obras de Pablo Picasso, estão na exposição da Caixa Cultural (Avenida Almirante Barroso 25), Rio de Janeiro. Das 10 às 21 horas, podem ser vistas até dia 20 de novembro de 2016. Com a greve dos bancários, a frequência ficará limitada só até as 18 horas.

 

Picasso: mão erudita, olho selvagem é o nome da mostra, uma oportunidade rara aos brasileiros que pela primeira vez têm acesso ao acervo exclusivo do Musée National Picasso, da Paris. A curadoria da exposição é da francesa Emilia Philippot, também curadora do Musée Picasso, com peças doadas entre 1979 e 1990, pelos herdeiros do pintor.

Também integram a mostra 22 fotografias feitas por André Villers (1930-2016), em parceria com Picasso, e três fotografias de Pierre Manciet, feitas durante as filmagens de La vie commence demain (1949), de Nicole Védrès, no ateliê do artista. O filme pode ser visto pelo público, assim como outros dois: Guernica (1950), de Alain Resnais e Robert Hessens, que aborda a obra-prima do pintor, e Le Mystére Picasso (1956), de Henri-Georges Clouzot, sobre o processo criativo do artista.

Pablo Picasso nasceu em Málaga (Espanha) em 1881 e morreu na cidade de Mugins, França, em 1973. Durante mais de 70 anos, foi um precursor de movimentos as artes plásticas. Era um homem que apostava em avanços e participava ativamente dos eventos do mundo. Onde chegava era festejado.

 

 

Seja o primeiro a comentar esta notícia.

Comente esta notícia 

 

KQ6c9F