Banco Europeu coloca 21 bilhões de Euros para recuperar o turismo
Piramides de Gize, Egito, reabrem sob expectativa de movimento além do normal. Camelos tambem atraem
27-06-2020 15:56:23 (127 acessos)
Total de 21 bilhões de Euros estão colocados pelo Banco Europeu para Reconstrução e Desenvolvimento (European Bank for Reconstruction and Development - EBRD) com amparo do planejamento da Organização Internacional de Turismo (United Nations World Tourism Organisation - UNWTO) para recuperar o turismo em 38 economias pelo mundo. Países podem dispor dos recursos a partir de agora, especialmente as ilhas turísticas que enfrentam grave crise causada pelo isolamento sanitário.

Particularmente estão relacionados ao financiamento, a Albania, Armenia, Croatia, Egypt, Georgia, Greece, Jordan, Lebanon, Montenegro, Morocco, Tunisia, Turkey and Uzbekistan.

Também podem apresentar-se para aproveitar o capital, as ilhas em desenvolvimento, como parte da recuperação proposta pela Organização Mundial do Turismo. As ilhas mais turísticas do mundo que estão totalmente desprovidas do movimento como era antes da pandemia de coronavírus, são estas:

Ilha de Capri, Nápoles, Itália

Mikonos, Grécia

Bled, interior da Eslovênia

Baía Maya, na ilha Phi Phi Leh, no sul da Tailândia,

Telascica, Croácia

Galesnjak, Croácia, mar Adriático

Kabira, Okinawa, Arquipélago ao sul do Japão

Zanzibar, Tanzânia, arquipélago ao sudeste da África

Moreton Island, Austrália, em Brisbane

Gaz, Croácia, arquipélago de Brijuni

Bora Bora, Polinésia Francesa

Cozumel, México

Ilhas Baleares, com Maiorca, Menorca e Ibiza na Espanha

Arquipélago de Fiji, no meio do Oceano Índico

Isla Hispaniola, entre o Haiti e República Dominicana

Galápagos, Equador

Sri Lanka, o antigo Ceilão

El Nido, Filipinas

Ilha de Bohol, arquipélago das Filipinas

Ilha Silhouette, em Seychelles

Bali, Indonésia

Ilha de Páscoa, Chile

Na Pali, em Kauai, arquipélago do Havaí

Arquipélago de Fernando de Noronha, Brasil

Ilhas Maldivas

Ilhas Virgens Britânicas, Caribe

Los Roques,Venezuela

Ilha dos Açores, Portugal

Geórgia do Sul, território do Reino Unido na Antártica

Ilhas Malvinas, território do Reino Unido na Argentina

Ilha Apia

Ilha Samoa

Ilha Nassau

Sanya, Island of Hainan, China,

Samoa e Nassau.

 

20200623 - 17:33 horas

 

Turismo começa funcionar em 22% dos destinos do mundo

Começa ser reaberto o movimento de turismo com liberação de restrições em 22% dos principais destinos da Europa, Américas, Ásia, Pacífico e África. Notícia foi dada pelo sistema de monitoramento da Organização Mundial do Turismo (UNWTO) que diz acompanhar e ajudar a superar barreiras, embora acredite que seja importante cuidar para evitar infecções oportunistas especialmente pelo coronavírus. Em maio apenas 3% das atrações foram reabertas, mas já avançaram muito dia 18 de junho.

Em 24 países dos 26 membros do Schengen estão em funcionamento 37 das mais qualificadeas atrações turísticas. Nas Américas são 6 os destinos que abrem totalmentem, sendo 5 em pequens ilhas de estados em desenvolvimento, além de outras 3 na Ásia e Pacífico. Por enquanto África conta com apenas 2 reabertas.

Ministério do Interior da Alemanha, anunciou que já está operando com visitantes da Áustria, França, Itália, Espanha, Portugal, Polônia e Noruega. Lembram as autoridades que imporão rigores sanitários muito maiores do que os de costume, para que este setor da economia tenha êxito com o projeto reabertura.

Organização Mundial afirma que está assessorando os países interessados para que os desafios possam ser superados e a economia de turismo seja finalmente retomada, para o bem dos empreendedores e dos estados. faz isso porque acredita que o setor é fundamental na retomada do desenvolvimento.

Mainteining restrictions

Destinations that have eased travel restrictions for tourists include: At the same time, the COVID-19 Related Travel Restrictions report makes clear that many destinations are maintaining a cautious approach to lifting or easing restrictions on travel. As of 15 June, 24% of all destinations worldwide (51 destinations) have had travel restrictions now in place for 19 weeks and 37% (80 destinations) for 15 weeks.

In total, 65% of destinations worldwide (141 destinations) continue to

have their borders completely closed. In Africa, the proportion of destinations

where borders remain closed to tourists stands now at 85%. In the Americas,

76% of destinations maintain full border closures, as do 67% of destinations in

Asia and the Pacific and 92% of destinations in the Middle East. In Europe,

these full border closures are reduced now to 26% of all destinations.

 

Fonte: UNWTO
 

 Não há Comentários para esta notícia

 

Aviso: Todo e qualquer comentário publicado na Internet através do Noticiario, não reflete a opinião deste Portal.

Deixe um comentário

ZMc6G