Indústria brasileira mostra números positivos em 2019
Industria brasileira ja mostra sinais de crescimento e gera otimismo. Foto Agencia Brasil
02-04-2019 13:32:48 (676 acessos)
Bens de capital, que são máquinas e equipamentos (4,6%), bens de consumo duráveis (3,7%) e bens de consumo semi e não duráveis (0,7%). São números que atestam reação positiva do segmento industrial brasileiro. Foram apontados pela Pesquisa Industrial Mensal, no primeiro bimestre de 2019. Animam porque se trata de gêneros próprios do desenvolvimento

Conforme a Pesquisa citada pelo pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a produção industrial brasileira cresceu 0,7% na passagem de janeiro para fevereiro. Mas de dezembro 2018 para janeiro, o setor caiu 0,7%.
 
Na comparação com fevereiro de 2018, houve uma alta de 2%. A indústria acumula queda de 0,2% no ano e alta de 0,5% em 12 meses. Na média móvel trimestral, a variação é de 0,1%.

Três das quatro categorias econômicas tiveram alta de janeiro para fevereiro: bens de capital, isto é, máquinas e equipamentos (4,6%), bens de consumo duráveis (3,7%) e bens de consumo semi e não duráveis (0,7%). Os bens intermediários, ou seja, os insumos industrializados usados no setor produtivo, caíram 0,8%.
 
Dezesseis das 26 atividades industriais pesquisadas tiveram alta, com destaque para veículos automotores, reboques e carrocerias (6,7%), produtos alimentícios (3,2%) e coque, produtos derivados do petróleo e biocombustíveis (4,3%).
 
Dez ramos industriais apresentaram queda. O principal recuo veio das indústrias extrativas (-14,8%), resultado influenciado pelo recuo na produção de minério de ferro relacionada ao rompimento da barragem de Brumadinho (MG), em 25 de janeiro deste ano.

 

Fonte: IBGE e Agência Brasil
 

 Não há Comentários para esta notícia

 

Aviso: Todo e qualquer comentário publicado na Internet através do Noticiario, não reflete a opinião deste Portal.

Deixe um comentário

gCEr5