Katherine Johnson, matemática do primeiro homem na Lua
Falecimento em 24/Fevereiro/2020

Katherine Coleman Goble Johnson nasceu em White Sulphur Springs, EUA.

Foi  matemática, física e cientista espacial norte-americana.

Fez contribuições fundamentais para a aeronáutica e exploração espacial dos Estados Unidos, em especial em aplicações da computação na NASA. Conhecido pela precisão na navegação astronômica informatizada, o trabalho de liderança técnica na NASA se estendeu por décadas. Calculava as trajetórias, janelas de lançamento e caminhos de retorno de emergência para muitos voos de Projeto Mercury, incluindo as primeiras missões da NASA de John Glenn, Alan Shepard, o voo à Lua, da Apollo 11, em 1969. Executou um trabalho contínuo no programa dos ônibus espaciais e dos planos iniciais para a missão a Marte.

Em 2016, foi incluída na lista de cem mulheres mais inspiradoras e influentes pela BBC.

Katherine foi co-autora de 26 artigos científicos. A NASA mantém uma lista de artigos mais significativos de Johnson com links para sua ferramenta de busca de arquivo para encontrar outros. O impacto do legado pioneira para a ciência espacial e computação lhe rendeu diversas honrarias e medalhas, além de servir como modelo para outras estudantes.Desde 1979, antes de se aposentar da NASA, sua biografia tem lugar de destaque entre a lista de negros pioneiros em ciência e tecnologia.

Em 24 de novembro de 2015, o presidente Barack Obama incluiu Katherine

na exclusiva lista de dezessete estadunidenses que receberam a Medalha

Presidencial da Liberdade e foi citada como exemplo pioneiro de

mulheres negras na ciência, tecnologia, engenharia e matemática.

Em março de 2016, começaram as finalizações do filme Hidden Figures, que foi lançado em 2017, sobre três cientistas negras da NASA que calcularam as trajetórias de voo do Projeto Mercury e do Apollo 11 nos anos 1960. O filme é baseado no livro de Margot Lee Shetterly que documentou as carreiras e as contribuições de Katherine Johnson, Dorothy Vaughan e Mary Jackson. Katherine é interpretada pela atriz indicada ao Oscar Taraji P. Henson.

Em 5 de maio de 2016, a nova Instalação Katherine G. Johnson de Pesquisa em Computação foi formalmente dedicada pela agência no Centro Langley de Pesquisa, em Hampton, Virginia, no aniversário de 55 anos do voo histórico de Alan Shepard no foguete, que Katherine tornou possível.